.



"Todos sabemos que cada dia que nasce é o primeiro para uns e será o último para outros e que, para a maioria, é so um dia mais."
José Saramago

quarta-feira, agosto 16, 2006

...


Às vezes o silêncio grita-nos as respostas... Às vezes a distancia mostra-nos que estamos perto e que queremos estar cada vez mais e mais unidos... Às vezes tudo é breve como um sopro e tão profundo como um oceano...
Vale a pena esperar... Vale a pena lutar por algo que vale a pena... Algo que vale a pena sentir...
Por valer a pena - ou não - e porque desistir facilmente nunca fez parte do meu vocabulário... Estou aqui...

2 comentários:

Jorge Ortolá disse...

Olá.

Deixa-me em silêncio te gritar que estás linkada no meu blog.

beijos

André Rodrigues disse...

O silencio esteve sempre presente na minha escrita talvez seja algo que mais uma vez temos em comum acho que se nao fosse aquele sofrimento passado num silencio da dor hoje nao seria quem sou, seria mais um que nada fez e por nada lutou. beijos e continua agora sim estás me a alimentar:P