.



"Todos sabemos que cada dia que nasce é o primeiro para uns e será o último para outros e que, para a maioria, é so um dia mais."
José Saramago

sábado, janeiro 20, 2007

"recomeca...
se poderes,
sem angustia e sem pressa
e os passos que deres,
nesse caminho duro do futuro,
da-os em liberdade,
enquanto nao alcances
nao descanses,
de nenhum fruto queiras so metade..."

(Miguel Torga)
Encontrei este poema, ao acaso, enquanto percorria na diagonal uns livros que tenho no quarto... Este chamou-me a atenção... Não sei se por crer que o identifico com a minha personalidade ou se por me ter identificado com ele neste momento...
Mas gostei! :D

1 comentário:

aFeiJaO disse...

"...enquanto percorria na diagonal..." compreendo, era impossível ter passado despercebido. As coisas boas por vezes tropeçam na nossa frente e seguramos para não caírem.
Triste é quanto nos desviamos delas, não achas? Ainda bem que não te desviaste, assim pudeste partilhar este momento… Obg.
Beijo,António