.



"Todos sabemos que cada dia que nasce é o primeiro para uns e será o último para outros e que, para a maioria, é so um dia mais."
José Saramago

quinta-feira, novembro 01, 2007

Sou eu...

Tudo o que anseio e desejo,
Tudo o que planeio e produzo,
Tudo o que penso e uso…
Em tudo sou eu!

Tudo o que quero e sonho…
Tudo o que respiro e suspiro,
Tudo o que sigo e proponho…
Em tudo sou eu!

Tudo o que calo e não minto
Tudo o que desenho e pinto
Tudo o que sonho e sinto…
Em tudo sou eu!

Tudo o que ganho ou perco,
Tudo o que escrevo e apago,
Tudo o que comigo trago…
Em tudo sou eu!

Em cada passo dado,
Em cada gesto que faço,
Em cada abraço apertado,
Sou eu!

Sou eu!
Sou eu!

9 comentários:

delusions disse...

Tudo. És tu.



Bjinho*
Bom fim-de-semana

Dias disse...

Gosto de ti.
E gosto muito do teu escrever.

Beijo

tufa tau disse...

e tu sabes o maravilhoso do seres tu... tu mesma, em tudo.

abraço, apertado com o teu

Visão Caleidoscópica disse...

E tu és única Mári!
Excelente o teu auto-retrato.
Parabéns!
Beijos mil, em ti...e uma boa semanita.
Até mais....

Tiago Borga disse...

Vou comentar porque a menina pediu e se nao viesse aqui comentar ficava chateada comigo....outra vez e dava-me "porrada"!!! =P
Bem como nao sou nada destas cenas dos sentimentos.. Achei o texto engraçado, mt giro e "tudo es tu"...(agora tive bem)
Continua a escrever coisas destas....!!!

Bjinhx gandis

MariadaLua disse...

Somos um pouco do tudo o que nos rodeia. Somos qualquer coisa. Somos apenas...

bjs

Visão Caleidoscópica disse...

Passei para deixar um beijinho em ti.
Continuação de boa semana.
Até mais...

Bia disse...

Poder ser na íntegra tudo aquilo que se é, poder colocar-se sem medos nem reservas naquilo que se faz, é a suprema ventura conquistada por aqueles que se recusam a usar máscaras sociais. Gostei do teu poema, amiga, tão prenhe de verdades.

Deixo-te pétalas de macias pétalas perfumadas, um beijo no coração, e o desejo de dias lindos a enfeitar tua vida.

Entre linhas... disse...

Gostei muito do teu poema,rico em verdades,continua a ser tu mesma sem restrinções.
Bjs Zita